Um time real

O torcedor do Grêmio é o retrato da esposa traída. Aquela mulher que não vem se dando bem nos últimos relacionamentos: sempre passada pra trás, humilhada, enganada. Não acredita mais em relacionamentos. Sua frase preferida? “Homens são todos iguais“. E ela tem motivos para crer nessa sentença. Foram muitos, das mais diversas origens, personalidades, estilos. Todos a decepcionaram.

O torcedor do Grêmio também vem se saindo um belo cético. Entra ano e sai ano, o sentimento parece ser sempre o mesmo: “esses Grêmios são todos iguais“. Times caros, baratos, apostas, figurões, brucutús, habilidosos, fortes, franzinos, não interessa. Vão dar um jeito de nos trair. As decepções se dão das mais variadas maneiras: desde tomar 3 gols em 4 minutos, passando por eliminações ridículas contra times inferiores e indo até a batalhas que nos orgulharam mas não resultaram em caneco. Não interessa a forma, o resultado tem sido o mesmo. No caso, nenhum.

Mas tanto a esposa traída quanto o torcedor do Grêmio ainda têm coraçõezinhos que pulsam em seus peitos. Podem vomitar amarguras, mas lá no fundo existe uma mudinha de esperança sendo regada e adubada. Ela só precisa de um raio de luz para crescer. Essa mulher sofrida sonha com um PRÍNCIPE ENCANTADO. Um homem que não é real. Algo de outro mundo. Do mundo dos contos de fadas. Os homens reais são todos iguais, são canalhas. O gremista também tem lá seus devaneios. Sonha com um Grêmio Mágico que vai chegar faturando canecos e destroçando o maldito jejum de títulos. Mas tem que ser Mágico. Os outros, os reais, são todos iguais.

E esse Grêmio de 2014 parecia ser mágico. A cansada torcida gremista, que lutava contra uma empolgação traiçoeira, estava quase se entregando pra ela. “Seria esse o Grêmio Mágico que veio pra nos salvar das mazelas desse mundo triste? Parece que sim!” Porém, Gre-nal. E aí vimos um Grêmio fazendo o que faz de melhor nos últimos anos: decepcionar seu torcedor. Doeu. Foi em casa. Foi feio o que se viu na Arena. Ali caiu um mito. O Grêmio Mágico com o qual sonhamos não faria isso conosco. Um Príncipe Encantado jamais magoaria sua Bela Adormecida dessa forma. Esse Grêmio é real. Ele mostrou, domingo passado, que não passa de um time comum. Ajeitadinho, mas comum. Com qualidade, mas de carne e osso.

Aí esse Grêmio vai lá e PIMBA. Mete um 2 a 0 merecidíssimo no Atlético Nacional de Medellín. Em plena Colômbia, terra onde costumamos fracassar seguidamente. Mais do que isso: esse Grêmio vai lá e garante vaga ANTECIPADA, em pleno GRUPO DA MORTE. Ficaremos em primeiro nesse grupo tão temido. E, mesmo estando no grupo mais difícil da Libertadores, temos chances até mesmo de emplacar a melhor campanha geral da competição. Isso é quase assustador. Primeira fase irretocável.

Porém, não se iluda, Tricolor Gaúcho. Nós, torcedores, já mandamos a danada da empolgação à merda no domingo. Estamos felizes com o jogo de Medellín, mas contidos. Essa bela vitória foi apenas um lindo buquê de flores que o canalha envia após a traição. Domingo ainda preocupa. Domingo descobrimos que vocês não são mágicos. E pra nós, “ser bom” é pouco. Muitos Grêmios bons já nos machucaram. A gente queria mais. A gente queria um Grêmio de outro mundo. Lindas flores, mas é pouco pra nos balançar.

Eu, particularmente, acho que esse Grêmio é real. Não é “o time mágico que vai nos salvar”. Se, por um milagre, sair campeão gaúcho em pleno Beira-Rio, podemos discutir novamente essa questão. Mas por ora estamos falando de um time real.

Acontece que não sou tão radical. Não acho que “homens são todos iguais”, tampouco que nos anos de jejum esses Grêmios têm sido todos iguais. Ainda que tenham nos decepcionado, vi em alguns boas intenções. Esse Grêmio de 2014 é real sim. Lamento informar aos que esperavam pelo Grêmio Mágico salvador. Mas eu acredito num Grêmio totalmente real nos tirando da lama. Acredito em pessoas de carne e osso, cheias de defeitos, proporcionando momentos mágicos a nossas vidas.

Vai, Grêmio. Com teus defeitos. Tuas fraquezas. Tuas limitações humanas. Vai lá e seja mágico. Eu acredito nessa loucura. Nós vivemos de loucuras.

 

Saudações azuis, pretas e brancas,

 

Anúncios

  1. Daniel

    Hey Lucas, aos pouquinhos vamos chegando neste novo endereço para conferir os teus comentários novamente. Abs, Daniel

  2. Anderson Silveira Cardoso

    A única coisa que me preocupa nesse time é o Barcos. O Pará todos sabemos que é limitado e não se tem o que fazer, mas o Barcos a muito tempo se mostra um jogador mediano. Não domina uma bola, não ganha uma dividida, cai mais que o Luan(que é mais rapido e mais fraco). Saudades do Marcelo Moreno, ai sim o Grêmio seria um time se não mágico, quase.

  3. Alessandro

    Que bom Lucas que tu voltou a escrever Lucas! Cara, prefiro um time que vá aos trancos e barrancos até a final do que um que vai desfilando até uma final. Questão de expectativa mesmo, imagina ir patrolando até a final e tomar um toco lá no finalzinho com as mãos quase na taça. Vamos devagar, perdendo de vez em quando, mas aprendendo com isso. Grande abraço!

  4. Laura

    To feliz por vc voltar a escrever Lucas! estava com saudades, pois acompanhada seus textos no blog da globo, lia todos e agora lá não tem ninguém.. as vezes lembrava de entrar aqui e ver se vc tinha escrito algo e nada.. e hoje tenho essa feliz novidade de ver o que vc escreveu.. geralmente concordo com vc e espero que não pare de escrever, pois tuas opiniões são legais.. e diz pro Lipe continuar a zuar o lado vermelho da bancada, ele acaba sendo engraçado.. e dá-lhe Grêmio.. saudações tricolores!

  5. Rafael

    Lucas, você não faz ideia de como eu me sinto perdido depois dos jogos sem os teus textos no blog do torcedor, espero que faça mais textos desses por aqui, por que tu é realmente tem talento pra isso!

  6. Gustavo Cainelli

    Grande Lucas Von… que as “Saudações azuis, pretas e brancas” não acabem tão cedo…tu é muito bom cara, não desista tão cedo brou… Tamo Com Você

  7. thiago

    Saudades de ler seu texto lucas, parabéns novamente, tu me representa como gremista…..aq o thiago de Cuiabá novamente

  8. neni

    olha meu amigo que fiasco nos dois grenais o inter quando decidiu ganhar fez o que quis do grêmio essa última derrota foi uma humilhação e depois de tudo isso ouço treinador e dirigente dizer que não foi feio a derrota depois desse dois comentário sem noção não vejo nenhuma esperança no nosso clube a única coisa que tem alma no grêmio é a torcida porque o resto acabou tanto faz perder ou ganhar pra esses caras seja os politiqueiros comissão técnica ou jogadores sendo assim nós torcedores tamo perdidos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s